12 de julho de 2010

Leia, compreenda, e faça diferente.


Vamos Parar e Refletir


Seja feliz, tenha amigos valorize-os.


Aprenda a perdoar!

Então, o que você faria?


O que você faria se acordasse hoje e descobrisse que é seu último dia de vida?
Recordaria seu passado, ou planejaria cada segundo deste dia com as melhores coisas e os melhores amigos que se pode ter?
Deixaria as lembranças correrem em sua mente, ou faria novas coisas para que as pessoas tenham lembranças de você?
Se faria de vítima ou colocaria em dia todas as conversas com amigos que não vê a tempos, ou aqueles que vê todos os dias mas não tem mais tanto contato?
O que você faria, se nunca houvesse amado de verdade? Nem ao menos tido um amigo de verdade, e soubesse que não teria mais tempo de fazer um amigo fiel, não ter um único alguém para sentir sua falta, para saber que você ainda que nos últimos instantes não se esqueceu dele? E saber que em seus momentos finais você poderia ter contado com a ajuda de um amigo, se tivesse conquistado um?
Tentaria fazer ao menos um amigo em seu último dia, ou se deixaria levar pela depressão? Correria atrás, ou esperaria sua "hora" chegar?
O que você faria se magoasse uma pessoa tão profundamente que não tivesse coragem de pedir perdão, e, sabendo que são seus últimos instantes, esta pessoa te perdoasse e fosse ficar com você até o fim? Perdoaria o amigo? Perdoaria a si próprio pelo seu egoísmo frívolo e infantil?
O que você faria sabendo que existe uma pessoa que morreu por ti e você nunca deu valor? Aprenderia em seus últimos instantes o valor deste alguém?
Ou simplesmente o negaria como fez todos estes anos?
Muitas vezes perde-se tempo pensando no passado, vivendo no passado, ou simplesmente especulando em modo de poder modificar o passado. Não existe uma forma de mudarmos o que aconteceu no passado, mas existe um jeito de reconstruir nosso futuro, ainda que no fim dos tempos, tem-se a oportunidade de fazer com que os últimos minutos sejam diferentes, importantes, especiais, não apenas pra você, mas para quem vive contigo, para quem te ama, para quem sempre esteve ao seu lado sendo o momento bom ou ruim.
Não é estranho que as pessoas se façam perguntas, revivam o passado, replanejem o futuro quando se tem oportunidade, mas não param em nenhum segundo para pensar em Deus?
Não é estranho como alguém se interessa por um texto simples e infantil feito por uma mera adolescente, e não preste a mínima atenção quando se trata de ouvir ou ler a palavra de Deus?
Não é estranho quando as pessoas negam o nome dele com a mesma facilidade que dizem eu te amo em vão? Como se perde tempo com futilidades, como se enganam facilmente, como se deixam envolver por uma realidade cada vez mais falsa, cada vez mais mentirosa, sendo sempre mais corrupta. Mas não se deixam envolver pela mais simples palavra real e verdadeira de amor?
Perde-se realmente muito tempo pensando em como poderiam ter feito as coisas, como poderiam modificar o passado, em como poderiam aproveitar o futuro, em como vivem momentos lindos, em como podem mudar os últimos "atos" do teatro da vida.
Mas não param para pensar sequer em pedir perdão, pelos erros, pelas falhas, pelas palavras ditas, não se arrependem realmente de seus atos, e esperam sempre serem compreendidos, atendidos, ouvidos, amados, mas não param para ouvir, para perdoar, para sequer falar sobre algo que nos machuca, nos magoa, nos deixa sentir que estamos de mãos e pés atados.
Pensam tanto no que foi, no que poderia ter sido, que não aproveitam o que realmente importa, o presente. Se existe alguém que te ama, valorize, ame também, se pensa apenas no passado, vai morrer sem descobrir como seu presente valeu a pena, em como seu futuro poderia ter sido diferente, mas o futuro não importa, o que quero dizer, é que vivam intensamente cada segundo que lhes resta, pois o futuro não é pertencente a nós, até fazemos planos, mas nem sempre as coisas acontecem em nosso tempo, nem tudo é como parece, as coisas não são simples, nem tampouco complicadas, nós complicamos, negamos, negligenciamos e até mesmo ampliamos a proporção do que nos acontece, simplesmente por não ser algo que no momento nos agrade, não sejam assim.
Vivam suas vidas, sigam seus rumos, torne cada dia único, diferente, especial, levem a vida menos a sério, sorriam mais, divirtam-se mais. Em fim, sejam felizes, pois na vida, isso é o que realmente importa!
Então, se precisarem de mim, avisem, estarei sempre disposta para ouvi-los e apoiá-los em todos os momentos, não me importa se sou ou não capaz de resolver o impasse, o simples gesto de ouvir às vezes já muda algo. Contem comigo sempre, pois nunca é tarde pra mostrar o quanto vocês são importantes pra mim.
Lembrem-se, é IMPOSSÍVEL ser feliz sozinho.

Dedicado a: Flávio Freitas, Samara Marques, Caroline Jones, Anngie Jones, Gabriela Aguiar, Thais Braitt e Zoey Jones.



Assuma seus amigos, entenda sua importância, cultive, faça crescer, realize-se, e apenas seja você, espero que assim você seja feliz.

















By: Isabela Alves

Baseado no texto de: Samara Marques

Samara me deu a base deste texto em: 10 de Junho de 2010

~>  http://sammyziinhaaw.blogspot.com/2010/06/viva-cada-dia-como-se-fosse-o-ultimo.html

2 comentários:

  1. Bella!!!
    Bom o seu texto esta ótimo e realmente faz todos refletirem. Por que quantas vezes nós deixamos de ajudar o outro qdo podiamos,esquecemos dos amigos e não tivemos humildade o suficiente para perdoar o próximo? Qtas vezes o orgulho do ser humano não fez com que tivessemos a dignidade de pedir perdão a alguém que magoamos? Qtas vezesnós dissemos coisas sem pensar e ferimos quem nós amavamos muito? Bom o texto esta digno de uma boa reflexão e não só eu refletirei lendo esse texto, como muitas outras pessoas que ainda o lerão e encontrarão muitas verdades escritas nele!
    Bjuuux, te lovo!

    ResponderExcluir
  2. Brigada Pamm'y! Você sabe como é importante saber a sua opniâo sobre o texto de uma mera criança neh?
    XD
    16 aninhos mês que vem!
    ^^

    ResponderExcluir